Quando pensamos na Índia, a primeira coisa que vem na cabeça é o Taj Mahal, certo? Então, imagine só nossa ansiedade para conhece-lo, depois de mais de duas semanas viajando pelo país!

O Taj Mahal fica em Agra e já havíamos lido que a cidade é bem feia e suja, mas nem nossas pesquisas, nem nossa experiência nas últimas semanas pela Índia nos preparou para o que vimos lá. O trânsito, o barulho incessante, a quantidade de gente, os mosquitos, a sujeira, o cheiro… foi um momento de desespero, desses de querer sair correndo do país e não voltar mais! Mas ficamos para conhecer o Taj.

Como chegar

Como chegar em Agra e transporte dentro da cidade

Nós chegamos em Agra de ônibus, depois de cinco horas de viagem desde Jaipur. Pagamos 550 rúpias (28 reais) cada, o ônibus mais caro na Índia até então, porém também o mais confortável, com ar condicionado.

Já leu nosso post sobre Jaipur? Clique aqui para saber sobre a cidade rosa.

Para variar, o ônibus parou no meio do nada. Como não tem Uber por lá, o jeito foi nos contentarmos com um dos motoristas de tuc tuc que já estavam lá à espera. Negociamos o preço para pagar exatamente o que o pesssoal do hostel nos orientou.

O motorista era até bem simpático, nos deu seu caderninho de recomendações para ler e passou os preços que nos cobraria para fazermos um tour com ele no dia seguinte. Ele se chama Vicky, mas muita gente se referia a ele como Super Mario nos recadinhos, e ele nos explicou que capricha no atendimento porque seus dados estão no TriAdvisor e quer manter bons reviews. E não é que achamos blogs elogiando ele?

Onde ficar em Agra

Nem precisamos falar que o principal atrativo de Agra é o Taj Mahal, ne? Então, vale a pena ficar num hostel ou hostel ali perto, para que você possa ir caminhando.

Nós ficamos num hostel super simples, bem mais simples que as fotos do site fazem parecer, o que nos deixou frustrados. Para mochileiros bem tranquilos, pode ser uma boa opção por causa da localização. Fora isso, recomendamos olhar outro lugar ali por perto.

LEIA TAMBÉM:   Roteiro de 15 dias pela Guatemala

Quanto dias ficar em Agra

A não ser que você esteja em um hotel bem bacana e queira tempo para curtir os mimos que ele oferecer, um dia inteiro é suficientes para conhecer as principais atrações da cidade.

O que fazer em Agra

Taj Mahal

É claro que você não vai baixar em Agra e não visitar o Taj. Talvez, por causa do calor, da falta de tempo ou do cansaço que as vezes bate na Índia, esse seja o único passeio que você faça na cidade. Foi assim com a gente, e não nos arrependemos; em hora que precisamos respeitar nossos limites.

O Taj Mahal funciona desde o nascer até o por do sol, então bate aquela dúvida de qual o melhor horário para visitar. Nós escolhemos ir ao nascer do sol, principalmente porque a temperatura seria mais agradável e teria menos turistas. Claro que você não vai estar sozinho lá e antes das 06:00 horas já vai ter uma fila esperando a bilheteria abrir.

Como o espaço é enorme, uma vez lá dentro as pessoas se espalham um pouco e não fica tão lotado quanto ao longo do dia. Mas para tirar as fotos clássicas, você tem que ter um pouco de paciência e as vezes esperar alguns minutos para ter sua vez.

Se você for no amanhecer, depois de tirar a foto mais famosa – mas sempre linda – com o reflexo do Taj no espelho d’agua, uma dica legal é ir para o lado direito do palácio. À medida em que o sol vai despontando por trás da outra construção, o Taj Mahal fica com uma iluminação incrível!

Horário: 06:00 às 17:00 horas
Valor: a entrada custa hoje 1000 rúpias (50 reais), o passeio mais caro que fizemos em toda a Índia.

Outros passeios

Estava nos nossos planos visitar mais alguns lugares em Agra, que acabamos desistindo. Saímos do Taj Mahal cansados e preferimos descansar antes de seguir viagem.

Baby Taj

A tumba de Itmad-ud-Daulah, construída entre 1622 e 1628, foi a primeira na Índia a ser feita inteiramente em mármore branco. Por causa de suas semelhanças com o Taj Mahal, foi carinhosamente apelidada de Baby Taj.

LEIA TAMBÉM:   O que fazer na Cidade da Guatemala

Horário: 06:00 às 17:30 horas
Valor: a entrada custa hoje 110 rúpias (6 reais)

Agra Fort

Apesar de ser conhecido como um dos mais belos fortes da Índia, pelas fotos que vimos ele parece ser bem parecido com o Red Fort de Delhi. Então, uma boa ideia é escolher um dos dois para visitar.

Horário: 06:00 às 17:00 horas
Valor: a entrada custa hoje 550 rúpias (28 reais)

Depois de Agra, seguimos viagem para Delhi, a capital da Índia

 

Write A Comment