Puerto Viejo é um daqueles lugares em que não se falta lugar para hospedar. Além da diversidade, os hostels e hosteis estão espalhados em uma área bem extensa, então vale pensar não só no tipo de hospedagem, mas também na localização.

Não que Puerto Viejo seja uma cidade grande, pelo contrário, seu centro é bem pequeno, não existem prédios altos e só de chegar você já sente aquela atmosfera de cidadezinha praiana. Porém, as hospedagens não estão concentradas na área central e pode ser bem interessante escolher um lugar mais afastado, considerando que locomover por lá é bem tranquilo, seja alugando bicicletas (que custa, em média, 8 Dólares por dia) ou pegando um taxi.

dsc_4758

Nossa grande dica de hospedagem para Puerto Viejo é: fique em um hostel na beira da praia.

Nós ficamos hospedados na Praia Cocles, em um hostel bem legal de frente para o mar. Era delicioso ir dormir com o som das ondas e poder estar na praia minutos depois de acordar. A praia de frente é muito gostosa, o mar é calmo o suficiente e a água é morna e cristalina.

Todos os quartos do Playa 506 são compartilhados, cada um com 8 camas (4 beliches), lockers individuais e ventiladores. A cozinha para uso dos hóspedes e os banheiros (cabines individuais) ficam do lado de fora, sendo acessados pela varanda que contorna a casa.

panopp

A recepção fica em uma casa separada, onde também funciona o bar e restaurante. Com uma decoração super charmosa – mesas e cadeiras de madeira, sofá de pallet, redes, um deck e uma área em chão de brita – o restaurante serve comidas, drinks e cerveja desde a hora do almoço até por volta das 20:00 horas. À noite, o espaço fica ainda mais aconchegante, iluminado com gambiarras.

dsc_4704

Experimentamos e aprovamos a guacamole servida com plátanos fritos, o fish and chips e o ceviche, que também vem acompanhado de plátanos fritos:

dsc_4681

Quando nos hospedamos, o hostel estava com uma ótima promoção: ficando mais que três noites, a quarta era de graça. Então, acabamos ficando 8 dias por lá e o coração ficou apertado ao deixar pra trás um lugar tão gostoso!

LEIA TAMBÉM:   Retrospectiva 2016

Write A Comment